• Flavia P. Zanotto

Quando é a hora de falar sobre a autoria do artigo?

Atualizado: 6 de abr.



Você vai começar a escrever o seu artigo e pensa: meu orientador será autor comigo e quem mais? Você não parou para pensar nem em qual será a ordem dos coautores... Ainda mais se tiverem 3 ou 4 coautores a mais para colocar.

Qual a melhor posição para autoria? O primeiro autor aparecerá em todas as citações e o resto virá como et al., se for mais do que 2 autores. O último autor é geralmente o orientador, senior, e já conhecido naquela área específica do artigo, e já está publicando há vários anos na mesma área...


Portanto, o assunto coautoria e ordem dos autores deve ser conversado desde o início da concepção do artigo.

Após decidir quem participará, converse com todos os autores via Whatsapp, crie um grupo e comece a organizar quem escreverá cada parte do artigo.


Algumas coisas precisam ser lembradas: se alguém fez uma parte pequena dos experimentos do trabalho ou forneceu material para o mesmo, não necessariamente precisa ser autor do artigo, mas aparecer nos agradecimentos. Combine isso antes.

O chefe do laboratório que você utilizou para fazer a sua pesquisa também deve ser autor apenas se participou da discussão inicial do trabalho e contribuiu de maneira crítica para a escrita deste. Quando digo de maneira crítica quero dizer que fez uma contribuição intelectual para o artigo, e não somente leu e corrigiu a gramática e ortografia. Vejam que esse ponto é muito importante.

Coautor por "reputação" não deveria também ser considerado como autor. Se não contribui em nada para o artigo, não deveria ser coautor somente porque é expert na área.

Publicar ou não com o seu orientador não deve ser resolvido como uma questão de "hierarquia", mas sim de efetiva participação do orientador na concepção, design e revisão crítica do artigo.


Somente para lembrar vocês: o Comitê Internacional de Editores de Revista Médica (ICMJE) recomenda que a autoria em um manuscrito científico seja baseada nos seguintes critérios:

1. Contribuições substanciais para a concepção ou design do trabalho, e/ou a aquisição, análise ou interpretação dos dados para o trabalho 2. Redação do trabalho ou revisão crítica do conteúdo intelectual deste 3. Aprovação da versão final (com leitura crítica) 4. Acordo e responsabilidade por todos os aspectos do trabalho para garantir a precisão e integridade deste O ICMJE recomenda que os indivíduos que contribuíram para o trabalho, mas que não atendam aos quatro critérios acima, sejam reconhecidos como colaboradores/contribuidores e colocados no ACKNOWLEDGMENTS. Os pesquisadores precisam entender essas diferenças para atribuir os créditos do artigo de maneira sensata.

Por isso várias revistas científicas hoje pedem para listar a contribuição de cada autor do artigo que será publicado. Aí você pode justificar para os potenciais coautores que regras são regras...

56 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo